Especialistas alemães visitaram empresas oliveirenses

Cryriacus Schultze e Ian Healey estiveram em Portugal, mais concretamente em Oliveira de Azeméis e Águeda, a convite do consórcio AECOA/ AEA promotor do projeto Qualify.teca. O objetivo foi a visita a várias empresas de ambos os concelhos.

0

Algumas das empresas do Entre Douro e Vouga que receberam a visita dos alemães: Eumel e Equiproin de Oliveira de Azeméis, e Marsilinox de Vale de Cambra.

O especialista alemão em tendências de mercado e revolução tecnológica na área alimentícia, Cryriacus Schultze, e o jornalista da ‘FoodTech Magazine’ também da Alemanha, Ian Healey, tiveram a oportunidade de apreciar in loco algumas empresas do setor a montante da indústria alimentar, fileira a que se dedica o projeto ‘Qualify.teca’. Uma ocasião para o estabelecimento de relações bilaterais entre as unidades industriais de Oliveira de Azeméis e de Águeda e a empresa de consultoria de Schultze – ‘Food&Wine Culture Consulting’, cuja dinâmica e capacidade negociais na Alemanha são muito reconhecidas, ao nível do apoio a produtores, industriais e retalhistas para expansão de negócios, bem como para o desenvolvimento de novos mercados, criação de valor e maximização de resultados comerciais.

Publicidade

Para além da visita às empresas, que decorreu nos dias 21 de junho em Águeda e, no dia seguinte, em Oliveira de Azeméis, a estadia destes players internacionais teve outros momentos altos, nomeadamente o seminário ‘The German Market on the Technological Food Industry: Case of Success and How to Import to Germany – Legal aspects & Certifications’.

A exposição de Cryriacus Schultze prendeu a atenção dos diversos empresários e demais presentes, sendo uma verdadeira lição, dada em moldes bastante pragmáticos, para quem pretende investir/estabelecer-se no mercado alemão, um país com um modelo de vida e de negócio/comercial e industrial bem diferente do nosso.  

Outras visitas internacionais agendadas

A vinda de personalidades estrangeiras a Oliveira de Azeméis e a Águeda faz parte de uma das atividades previstas no projeto ‘Qualify.teca’, promovido pela Associação Empresarial do Concelho de Oliveira de Azeméis (AECOA) e a sua congénere de Águeda (AEA). Ainda para este ano, estão previstas outras deslocações de players estrangeiros à região do Entre Douro e Vouga e Baixo Vouga, vindos agora da Península Arábica e do Magreb.

Importa reter que este projeto visa promover a especialização inteligente da fileira ‘Equipamentos, Serviços e Ingredientes para a Indústria Alimentar’, através do reforço das suas competências em áreas centrais de inovação e qualificação. Trata-se de um programa que se destina as atividades agregadoras da fileira, nomeadamente à fabricação de máquinas, equipamentos, reservatórios e recipientes metálicos, bem como à indústria dos ingredientes, condimentos e temperos, e, ainda, a serviços especializados de média/alta intensidade de conhecimento para a indústria alimentar.

O projeto alinha diretamente com a Estratégia Nacional de Especialização Inteligente, no domínio prioritário ‘Sistemas Agroalimentares’. Neste contexto, pretende-se “intensificar a capacidade tecnológica da indústria” ao nível da sua “inserção nas cadeias de valor internacionais”, nomeadamente na “engenharia alimentar e tecnologias avançadas”, através da operacionalização de um vasto conjunto de ações, produtos e serviços, no âmbito de três áreas centrais de inovação e qualificação: Indústria 4.0; Economia Circular e Sustentabilidade; e Financiamento e Mercado de Capitais.

O ‘Qualify.teca’ é financiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização, no montante de 678.179,55 euros, dos quais 576.452,55 euros são provenientes do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).

AZEMÉIS.NET é o jornal online de Oliveira de Azeméis (criado em agosto de 2019) pensado em promover o que de melhor se faz no concelho. É um projeto que olha para o território, e a nossa gente, pela positiva e que quer puxar pelo orgulho oliveirense. Procuraremos ser a pegada digital para demonstrar que Azeméis é realmente vida... e que somos vivos!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui