Quarta-feira, 8 de Fevereiro de 2023
Quarta-feira, 8 de Fevereiro de 2023

Susana Nogueira regressa ao corpo operacional dos Bombeiros Voluntários de Oliveira de Azeméis e marca momento com mensagem emocionante

Passados três anos de lhe ter sido diagnosticado um cancro de mama que lhe obrigou a sujeitar-se a uma baixa médica, Susana Nogueira está de volta à Equipa de Intervenção Permanente dos Bombeiros Voluntários de Oliveira de Azeméis.
Publicidade

A bombeira Susana Nogueira, de 34 anos, voltou ao trabalho que mais gosta de fazer neste primeiro dia de junho. Após três anos de baixa médica devido ao facto de lhe ter sido diagnosticado cancro de mama, e um último ano profissional atribulado, voltou a ser integrada no corpo operacional e na Equipa de Intervenção Permanente. O momento é marcante, e Susana Nogueira escreveu uma mensagem emocionante para eternizar este dia. Resume as várias fases profissionais pela qual passou, e este testemunho serve essencialmente, aponta, para que “outras pessoas na mesma situação tenham força”.

Susana Nogueira

Hoje é dia mundial da criança, data que coincide com o meu regresso à atividade operacional dos Bombeiros Voluntários de Oliveira de Azeméis e às minhas funções de EIP (Equipa de Intervenção Permanente). Passaram três anos desde que a doença do cancro de mama me escolheu para testar a minha resistência, a minha força e a minha vontade de viver, obrigando-me a perceber melhor o mundo que me rodeia, mostrando-me o melhor e o pior que o ser humano pode ser. Durante este período atribulado profissionalmente fui sujeita a baixa médica, trabalho condicionado em função da doença, despedimento em função da doença, readmissão, mas o momento mais marcante é o meu regresso à atividade operacional e poder voltar a fazer aquilo que mais gosto”, começa por escrever na missiva que enviou ao Azeméis.Net.

Publicidade

Não posso deixar de aqui dar o meu testemunho para que outras pessoas em condições semelhantes possam acreditar, tenham força e lutem com todas as forças mesmo que por muitos momentos elas sejam escassas e que quem está por perto de nós entenda a importância que tem todo o apoio e compreensão que nos possam dar. Comecei por fazer referência à data que hoje se comemora, DIA MUNDIAL DA CRIANÇA, pois este renascer faz-me sentir como todas as crianças se deveriam sentir, felizes, confiantes no futuro e com o apoio de todos os que as rodeiam. Aproveito para agradecer a todas as pessoas que estiveram do meu lado, que me apoiaram e nunca me permitiram desistir! Algumas que nem me eram tão próximas, outras que apenas por solidariedade sentiam o que eu sentia, lutaram a minha luta. Sinto-me feliz e realizada, porque desistir nunca foi opção, obrigada a todos do fundo do coração”, conclui

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

LEIA TAMBÉM

Relacionados

+ Exclusivos

Os ARTIGOS MAIS VISTOS