Restaurante Taberna do Cuco: Cultura e gastronomia de mãos dadas

A Taberna do Cuco, em Cucujães, é um local de boa comida, tradições, e de cultura. O proprietário é António Neves, irmão do famoso escultor oliveirense Paulo Neves. Faz uns rojões como ninguém, e, por vezes, ainda dá música aos clientes.

0
António Neves, irmão do escultor Paulo Neves, é o proprietário da Taberna do Cuco

Em Cucujães, terra de gente boa, existe muito a tradição de bons petiscos e merendas. A oferta é grande e hoje decidimos entrar na Taberna do Cuco. Mal colocamos o pé dentro da taberna somos agradavelmente surpreendidos pela peça extraordinária do escultor Paulo Neves, um imponente balcão que de imediato liga a cultura à gastronomia.

Mas as surpresas não ficam por aqui pois a família Neves tem uma fortíssima ligação às tradições e à cultura. O António Neves é o verdadeiro homem dos sete instrumentos, principal dinamizador do Museu Regional de Cucujães e um apaixonado pela culinária sabendo fazer uns rojões de qualidade sublime, uns rojões feitos lentamente mesmo à moda antiga.

O balcão da Taberna do Cuco é uma obra de arte da autoria do escultor Paulo Neves

Mas falamos mais tarde sobre os instrumentos e vamos começar a refeição por uma suculenta sopa da Pedra com tudo aquilo a que temos direito. Podemos também abrir a refeição com um presunto de corte fino acompanhado com queijo sempre bom e uma broa caseira excelente.

A comida é muito caseira e os pratos disponíveis muito sugestivos. A Taberna do Cuco também se transformou tendo em conta as novas regras e horários de funcionamento apostando muito recentemente no take-away.

A Taberna está decorada com gosto, muito rústica com traços de modernidade que Paulo Neves faz como ninguém esta ligação.

A feijoada à transmontana é um dos petiscos que não podemos deixar de provar. O frango caseiro estufado é servido com a carne suculenta e bem temperado dando um sabor caseiro que é inconfundível e irresistível.

O lombo assado e a vitela são excelentes opções para quem estiver mais virado para a carne sendo os diversos bacalhaus boas opções para quem quiser comer peixe, o fiel amigo é muito bem tratado nesta típica casa.

Também pode encomendar um cozido à portuguesa com aqueles enchidos caseiros de grande qualidade que fazem toda a diferença e com os legumes sempre frescos ou optar por uma dobradinha que é excelente.

Uma casa acolhedora, sala pequena com as tradições sempre presentes e espalhados por todo o lado. Muitas vezes António Neves surpreende os clientes com música e umas cantigas portuguesas que todos acompanham. São serões super agradáveis que juntam uma boa refeição com uma boa e alegre musiquinha. Este conceito de Tasca é muito interessante pois são pequenos espaços transformados em salas de refeição que vão mantendo vivas as boas tradições do passado.

As diárias não são sempre iguais o que é bom para os frequentadores mais assíduos, servidos com generosidade e a preços controlados.

Os vinhos são de boa qualidade oriundos de várias regiões demarcadas que ajudam a acompanhar a comida caseira que nos é servida na Taberna do Cuco.

Este espaço merece a sua visita e recomendamos marcação prévia de mesa e também a escolha da comida.

Com estacionamento fácil na famosa reta do Bessa, este é um espaço com características muito peculiares onde o talento e a criatividade dos “Neves” de Cucujães estão bem patentes.

A entrada da Taberna do Cuco na Avenida do Bessa, em Cucujães

Consulte também as redes sociais para estar sempre bem informado sobre tudo aquilo que pode comer e beber na Taberna do Cuco, bem no centro da Vila de Cucujães. Merece uma visita e vai ver que não se vai arrepender.

REVER GERAL
Comida
Serviço
Ambiente
Preço
AZEMÉIS.NET é o jornal online de Oliveira de Azeméis (criado em agosto de 2019) pensado em promover o que de melhor se faz no concelho. É um projeto que olha para o território, e a nossa gente, pela positiva e que quer puxar pelo orgulho oliveirense. Procuraremos ser a pegada digital para demonstrar que Azeméis é realmente vida... e que somos vivos!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui