Terça-feira, 27 de Setembro de 2022
Terça-feira, 27 de Setembro de 2022
Publicidade

“Ainda não vi uma boa ideia sem financiamento. E esta é uma boa ideia”

Artigo exclusivo para assinantes do Azeméis.Net.

O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, foi claro no final da sua visita à Escola Superior Aveiro Norte (ESAN), em Oliveira de Azeméis, após conhecer o projeto de ampliação do campus universitário que se traduz na criação no novo Parque de Tecnologias e Inovação, onde está inserido, por exemplo, uma Fábrica do Futuro. “Ainda não vi uma boa ideia sem financiamento. E esta é uma boa ideia”, garantiu.

Publicidade

As ideias projetadas pela reitoria da Universidade de Aveiro e pela direção da ESAN traduzem-se num investimento de 60 milhões de euros. Serão nove edifícios que se irão juntar às atuais instalações do polo universitário na Quinta do Comandante. Para além da Fábrica do Futuro, a coqueluche deste projeto, também está previsto um “Berçario de Ideias”, uma Área de Acolhimento e Inovação Empresarial, um Centro de Design e Gestão e uma área para projetos estratégicos de interesse para a região também estão na forja. Destaque ainda para a aldeia estudantil incluído para este projeto.

Será mesmo por aqui que tudo irá começar. O ministro Manuel Heitor anunciou na sua visita à ESAN a abertura de uma candidatura do ao PRR (Plano de Resolução e Resiliência) para construção de residências universitárias. Salientou que já uma dotação de 400 milhões para o país, vincando que serão privilegiadas as candidaturas que prevejam formas inovadoras de edificação, tendo apontado a construção modular, de preferência em terrenos municipais.

Para que a aldeia estudantil seja uma realidade com a ajuda dos fundos do PRR (Plano de Resolução e Resiliência) as obras terão de estar concluídas antes de 30 de junho de 2026, sob pena dos fundos atribuídos serem devolvidos. Há, neste momento, a ambição de tornar a Casa do Comandante numa residência universitária.

Paulo Jorge Ferreira, reitor da Universidade de Aveiro, fez notar, em declarações aos jornalistas, que a criação de mais residências universitárias é uma prioridade, sentidas em todas as regiões em que está presente, nomeadamente em Oliveira de Azeméis, e, por isso, enfatizou o facto de a candidatura de alojamento a residência de estudantes ser a primeira a candidatar-se ao PRR (Plano de Resolução e Resiliência).

Veja as declarações do ministro Manuel Heitor após visita à ESAN.
Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Publicidade

LEIA TAMBÉM

Relacionados

+ Exclusivos

Os ARTIGOS MAIS VISTOS