A ligação afetiva da ministra Ana Abrunhosa a Oliveira de Azeméis

Ministra da Coesão Territorial revela que conhece muito bem Oliveira de Azeméis fruto das suas visitas na altura em que era mais jovem.

0
A ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa

Durante a visita a Oliveira de Azeméis para visitar algumas obras em curso, e lançar a primeira pedra da construção do futuro Fórum Municipal, a ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, de 50 anos, revelou a sua ligação à cidade. Quando era jovem visitou várias vezes o concelho a convite daquela que era a sua melhor amiga. “Conheço muito bem Oliveira de Azeméis. Desde muito jovem. A melhor amiga que eu tive era daqui, já faleceu. E vinha em jovem muitas vezes até ali ao Caracas e, portanto, guardo muito boas recordações de Oliveira de Azeméis. Habituei-me a ter grande respeito por este território, pela dinâmica extraordinário deste território, o respeito pelos seus empresários”, contou a ministra durante o seu discurso na cerimónia do lançamento da primeira pedra da requalificação da Casa Sequeira Monterroso.

Publicidade

Ana Abrunhosa visitou também as obras de requalificação do Cine-Teatro Caracas que proporcionou uma pequena viagem ao passado. “Está é uma obra que me diz muito. Eu própria lembro-me dele, como ele era velhinho, com mais de meio século de vida, mas longe de ter esgotado a sua missão, há de surgir com novas vestes, mas a cumprir a memória de muitos e a manter a sua função. Tenho muito boas memórias do Cine-Teatro Caracas. Ainda recorda aquela entrada e traz muitas saudades porque já não o poderei gozar com que gozava nesses tempos, e nem com a mesma energia porque já passaram 30 anos”, conclui.

A ministra Ana Abrunhosa visitou as obras de requalificação do Cine-Teatro Caracas na companhia do presidente da autarquia, Joaquim Jorge.

AZEMÉIS.NET é o jornal online de Oliveira de Azeméis (criado em agosto de 2019) pensado em promover o que de melhor se faz no concelho. É um projeto que olha para o território, e a nossa gente, pela positiva e que quer puxar pelo orgulho oliveirense. Procuraremos ser a pegada digital para demonstrar que Azeméis é realmente vida... e que somos vivos!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui