Quarta-feira, 21 de Fevereiro de 2024
Quarta-feira, 21 de Fevereiro de 2024

UD Oliveirense foi eliminada da Taça da Liga mas ainda fez tremer o SC Farense

> A primeira parte foi mortífera para a equipa de Oliveira de Azeméis. A lenda nipónoca Kazu Miura já fez os seus primeiros minutos da época.

A UD Oliveirense foi eliminada da Taça da Liga após ser derrotado pelo SC Farense no Estádio São Luís, em Faro, por 3-2. A primeira parte não correu de feição à equipa de Fábio Pereira. Se o jogo da UD Oliveirense tivesse sido consistente durante os 90 minutos, poderíamos estar a escrever que a equipa de Oliveira de Azeméis tinha protagonizado a segunda surpresa consecutiva na na competição. .

Com os golos de Marco Matias, aos 16 minutos, Rui Costa (30) e Mattheus Oliveira (35), os algarvios registaram o primeiro triunfo oficial da temporada 2023/24, mas ‘tremeram’ na segunda metade, depois de Schutte (55) e Zé Pedro (60) terem reduzido a diferença para o conjunto de Oliveira de Azeméis.

Publicidade

O jogo da segunda fase da Taça da Liga começou com a Oliveirense, com cinco reforços no ‘onze’, a tentar mais aproximações à baliza algarvia, mas, no seu primeiro remate à baliza, a equipa de José Mota inaugurou o marcador.

O médio ofensivo Rafael Barbosa, a única ‘cara nova’ nas escolhas iniciais dos locais, isolado por um excelente passe de Cristian Ponde, correu até à grande área e, em frente ao guardião Arthur, ‘ofereceu’ o golo a Marco Matias (16 minutos).

Com grande eficácia, o Farense alargou a diferença até ao intervalo, com os golos de Rui Costa (30), num cabeceamento fácil ao segundo poste, após canto de Marco Matias, e de Mattheus Oliveira (35), num remate com o pé direito após cruzamento atrasado de Talocha.

A Oliveirense reentrou na partida com tudo e, no espaço de cinco minutos, encurtou distâncias, com uma cabeçada de Schutte (55) e um livre direto de Zé Pedro (60), em que a bola bateu na barra e ressaltou no relvado, já dentro da baliza, mas o jogo prosseguiu e o golo só foi confirmado pelo VAR segundos depois.

Realce-se o facto de o avançado Kazu Miura, aos 56 anos, ter sido opção para os minutos finais, em estreia esta época, continuando a renovar o seu próprio recorde como jogador mais velho em atividade nos campeonatos profissionais.

___
Ficha de Jogo

Jogo disputado no Estádio de São Luís, em Faro.
Árbitro: Pedro Ramalho (AF Évora)
Assistência: cerca de 1000 espetadores.

SC Farense 3 – 2 UD Oliveirense
(ao intervalo: 3-0)

Marcadores: 1-0, Marco Matias, 16 minutos; 2-0, Rui Costa, 30; 3-0, Mattheus Oliveira, 35; 3-1, Schutte, 55; 3-2, Zé Pedro, 60.

SC Farense: Ricardo Velho, Pastor, Gonçalo Silva, Muscat (Artur Jorge, 56), Talocha, Cláudio Falcão, Mattheus Oliveira (Fabrício Isidoro, 56), Cristian Ponde, Rafael Barbosa (Vítor Gonçalves, 56), Marco Matias (Elves Baldé, 86) e Rui Costa (Bruno Duarte, 77). Suplentes: Miguel Carvalho, Bruno Duarte, Talys, Artur Jorge, Elves Baldé, Fabrício Isidoro, Vítor Gonçalves, Belloumi e Seruca.
Treinador: José Mota

UD Oliveirense: Arthur Augusto, Diogo Casimiro, Kelechi, Guirassy, Kazu, Schurrle (João Paulo, 68), André Santos (Iago Fabrício, 46), Zé Leite (Gonçalo Negrão, 68), Duarte Duarte (Kazu Miura, 88), Zé Pedro (Lamine, 88) e André Schutte. Suplentes: Nuno Macedo, Rui Dabó, Iago Fabrício, Joaquim Rodrigues, Francisco Pinto.
Treinador: Fábio Pereira

Ação disciplinar: cartão amarelo para Artur Jorge (83) e Cristian Ponde (86).

___
RESUMO DO JOGO

Publicidade
Publicidade
Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

LEIA TAMBÉM

Leia também

+ Exclusivos

Os ARTIGOS MAIS VISTOS