Quinta-feira, 13 de Junho de 2024
Quinta-feira, 13 de Junho de 2024

Novo lugar de estacionamento privativo atribuído à delegação de Oliveira de Azeméis da Ordem dos Advogados gera polémica

Este é o lugar de estacionamento da discórdia.
Este é o lugar de estacionamento da discórdia.

A Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis atribuiu um novo lugar de estacionamento privativo à delegação de Oliveira de Azeméis da Ordem dos Advogados, liderada pelo advogado, e deputado na Assembleia Municipal, Luís Filipe Oliveira, na Rua General Humberto Delgado, no centro de Oliveira de Azeméis. Uma via que, em tempos normais, costuma a ser bastante concorrida durante os dias da semana por ser a rua com várias lojas de comércio local, e também por passar em frente à entrada principal da Escola Secundária Soares Basto.

Anteriormente o lugar de estacionamento privativo estava na Rua 12 de Dezembro, perto do Centro Comercial Raínha, onde funcionavam, até há bem pouco tempo, as instalações desta ordem. A mudança do lugar de estacionamento surge numa altura em que a delegação de Oliveira de Azeméis da Ordem dos Advogados se prepara para mudar para o edifício do antigo Centro de Saúde, onde já funciona o Centro de Línguas e a Loja Ponto Já, e que albergará em breve associações e serviços relacionados com a autarquia oliveirense.

Publicidade

No ponto aprovado em reunião de executivo camarário do dia 7 de janeiro de 2021, está explicado que este lugar de estacionamento foi criado “para os utentes da Ordem dos Advogados desta cidade, no horário das 09:00 horas às 19 horas”, pode-se ler na ata da referida reunião.. Este lugar que fica nas imediações da habitação do presidente da Ordem dos Advogados de Oliveira Azeméis, está a gerar polémica entre a comunidade oliveirense que frequenta aquela artéria da cidade. Os motivos para esta polémica em redor desta atribuição de lugar privativo prende-se com o facto, revelaram vários oliveirense ao Azeméis.Net, de ter sido retirada uma oportunidade de estacionamento numa cujos lugares têm de ser divididos entre moradores, comércio local, com mais probabilidade de receberem clientes caso haja lugar disponíveis nas imediações, e por todos aqueles que trabalham na Escola Secundária Soares Basto.

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

LEIA TAMBÉM

Leia também

+ Exclusivos

Os ARTIGOS MAIS VISTOS