Quinta-feira, 1 de Dezembro de 2022
Quinta-feira, 1 de Dezembro de 2022
Publicidade

Kelly-Simoldes-UDO em bom plano no GP Abimota. Daniel Dias vestiu a camisola… das bolinhas

A Kelly-Simoldes-UD Oliveirense venceu a segunda etapa da GP Abimota, e ficou em segundo lugar da geral classificativa. Daniel Silva subiu ao pódio. Já na Clássica Ribeiro da Silva Luís Gomes tinha conquistado a camisola azul.
Publicidade

O GP Abimota esteve na estrada este fim de semana, e a corrida foi marcada por duas etapas. A primeira, uma ligação entre Leiria e Vouzela e neste Domingo, a derradeira e decisiva jornada, uma viagem de 173,9 quilómetros entre Anadia e Águeda.

A equipa de Oliveira de Azeméis esteve particularmente em evidência nesta segunda e última etapa, com Daniel Dias a envergar a camisola das bolinhas, foi o vencedor das metas durante a etapa. Também em particular destaque, esteve o trio César Fonte, António Ferreira e José Sousa, os quais contribuíram para a vitória coletiva da Kelly-Simoldes-UDO, nesta segunda jornada.

Publicidade

Na meta em Águeda, José Sousa foi o melhor elemento oliveirense, na 5.ª posição, enquanto Hugo Nunes (RP-Boavista) venceu a etapa. Na geral individual César Fonte, foi o melhor elemento da Kelly-Simoldes-UD Oliveirense, subiu à 5.a posição, e Luís Mendonça (Glassdrive/Q8/Anicolor) manteve a amarela.

“Demonstramos mais uma vez que temos sido uma equipa consistente. Vencemos coletivamente a geral desta segunda etapa e subimos ao segundo lugar da geral coletiva. Desta forma, sinto que a equipa está mais preparada para os próximos desafios”, afirmou o diretor desportivo, Manuel Correia.

O calendário da equipa Kelly- Simoldes-UDO, retoma de 24 a 26 de junho, com os campeonatos nacionais de contrarrelógio e de fundo, a realizarem-se em Mogadouro.

___
Luís Gomes vestiu camisola Azul na Clássica Ribeiro da Silva

Antes GP Abimota, a Kelly-Simoldes-UD Oliveirense participou na Clássica Ribeiro da Silva. A equipa de Oliveirense venceu o segundo dia de prova, que ligou Rebordosa a Lordelo, num total de 136 km. A nível individual destaque para Luís Gomes, que apesar ainda não se encontrar a 100% ao nível da condição física, devido a lesão contraída no final da época passada, subiu ao pódio para vestir a camisola azul, símbolo de vencedor de Montanha.

Publicidade
Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

LEIA TAMBÉM

Relacionados

+ Exclusivos

Os ARTIGOS MAIS VISTOS