Azeméis Jazz&Blues. Ana de Jesus, vereadora da Cultura: “Estou convencida que mais ninguém terá coragem de parar”

0

A cidade de Oliveira de Azeméis esteve, durante três dias, na rota dos amantes do jazz e blues, com a realização da primeira edição do Azeméis Blues & Jazz, um evento que pretende acrescentar valor cultural à cidade. Entre os dias 8 e 10 de outubro passaram pelo palco d’ O Cinema Kiko & The Refugees, Peter storm & The Blues Society, Salvador Sobral, e os Reunion Big Jazz Band.

Publicidade

O Azeméis Jazz&Blues nasceu da vontade da vereadora da Cultura da autarquia, Ana de Jesus, em promover novos conceitos, e teve a parceria da Agência Luckyman, uma das entidades reconhecidas na organização em eventos de jazz e blues.

“A pandemia cortou um pouco as minhas aspirações enquanto vereadora da cultura no sentido em que não me permitiu implementar alguns projetos que eu gostaria de ter visto na cidade. Mas hoje tiveram a sua primeira edição e estou convencida que mais ninguém terá coragem de parar. Foi o cinema [Azeméis Film Festival] no ano passado e este ano o jazz. (…) A cidade tem que se enriquecer com novos géneros musicais, com novas ofertas, com novas perspetivas, porque senão a cultura fica pobre, se se limitar a um registo mais ou menos pop”, diz Ana de Jesus ao Azeméis.Net.

A homenagem que ficou por fazer

Nesta primeiro edição do Azeméis Jazz&Blues, Ana de Jesus pretendia também homenagear uma figura maior do jazz com origem no concelho de Oliveira de Azeméis: Justiniano Canelhas, natural da freguesia de Cucujães, e que esteve ligado durante anos ao mítico Hot Clube de Portugal, em Cascais,  o mais antigo clube de jazz de Portugal e da Europa que desenvolve a sua atividade desde 1948. “Teve um papel importantíssimo neste género musical. A pandemia não permitiu, pelo menos com a dimensão que eu pretendia fazer. Fica o desafio para quem me suceder”, afirma Ana de Jesus.

AZEMÉIS.NET é o jornal online de Oliveira de Azeméis (criado em agosto de 2019) pensado em promover o que de melhor se faz no concelho. É um projeto que olha para o território, e a nossa gente, pela positiva e que quer puxar pelo orgulho oliveirense. Procuraremos ser a pegada digital para demonstrar que Azeméis é realmente vida... e que somos vivos!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui