Terça-feira, 4 de Outubro de 2022
Terça-feira, 4 de Outubro de 2022
Publicidade

O perfil do arquiteto que ajudou a construir a sociedade oliveirense

Obituário. Conheça a história do arquiteto natural de Gulpilhares mas que ganhou raízes profundas no concelho de Oliveira de Azeméis e que foi um dos motores para o seu desenvolvimento.

Nasceu em 1926, no lugar da Azenha, Freguesia de Gulpilhares, concelho de Vila Nova de Gaia. Veio para Oliveira de Azeméis, após o fim da Segunda Guerra Mundial, motivado pela necessidade de trabalhar, numa altura de grande desemprego, tendo-se candidatado ao ensino. Foi colocado em Oliveira de Azeméis, onde conheceu a sua esposa, com quem teve três filhos. Faleceu no dia 26 fevereiro, aos 96 anos.

Publicidade


Frequentou a escola de Belas Artes do Porto, licenciou-se em arquitetura e durante grande parte da sua vida foi professor de desenho e geometria descritiva nas escolas do concelho, primeiro no antigo Ciclo Preparatório e na Escola Industrial e Comercial de Oliveira de Azeméis, passando pelo antigo Colégio de Oliveira de Azeméis, e mais tarde, efetivou na Escola Secundária de S. João da Madeira e veio a aposentar-se como professor do ensino técnico já na Escola Secundária Ferreira de Castro, onde lecionou muitos anos.


Teve sempre uma vida muito ativa e foi responsável por alguns projetos de grande referência na cidade, como o Hotel Dighton, o Cineteatro Caracas, a Estalagem de São Miguel, a Biblioteca Ferreira de Castro, em Ossela, as Piscinas Municipais, e até o edifício da loja Sapataria Moreira, no centro histórico de Oliveira de Azeméis.


Para além destes, desenvolveu uma série de trabalhos que executou gratuitamente ao longo do tempo, tendo projetado, para além de habitações, blocos habitacionais, lares para a terceira idade, infantários, quartéis de bombeiros, equipamentos desportivos, acompanhando e fiscalizando as obras com zelo e dedicação.


O Arquiteto Gaspar Domingues tinha raízes profundas que o ligam a Oliveira de Azeméis, nas suas palavras. “Estive sempre ligado às pessoas, às causas sociais, com profunda dedicação, solidariedade, sentido social e de voluntariado, e fiz tudo com sentimento e com vontade de ajudar”, afirmou em entrevista recente ao projeto “A Nossa Freguesia” elaborada pela Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis.


Forte interveniente no movimento associativo do concelho, esteve ligado às direções de clubes desportivos, associações dos bombeiros voluntários, instituições de solidariedade, grupos culturais e recreativos, fez parte da Rede Social do Concelho de Oliveira de Azeméis e da Comissão Concelhia da Saúde.


Durante 24 anos foi Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Oliveira de Azeméis, instituição que desenvolveu, fez crescer e que possui, atualmente, um valioso património arquitetónico, com vista ao bem-estar e conforto de utentes e funcionários. “Foi sempre a minha missão prestigiar a Misericórdia e torná-la cada vez mais respeitada, eficiente e útil perante a comunidade em que estamos inseridos”, referiu na mesma entrevista.


Enquanto Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Oliveira de Azeméis, pertenceu à Comissão Nacional da União das Misericórdias Portuguesas, de quem recebeu a medalha de mérito e dedicação pelos serviços prestados às misericórdias portuguesas.


A 17 de dezembro de 2011 deixou o cargo de direção na Santa Casa da Misericórdia de Oliveira de Azeméis, tendo-se despedido dos oliveirenses e Irmãos da Misericórdia, no Boletim N.º 20 da Instituição, com palavras de esperança no futuro e acreditando que a Instituição enfrentará com coragem, dedicação, humildade e humanidade os problemas sociais que surgirão.


Recebeu da Assembleia Municipal de Oliveira de Azeméis um voto de louvor pelo trabalho desenvolvido enquanto Provedor da Misericórdia para “enaltecer e salientar o trabalho desenvolvido ao longo das últimas décadas pelo Arquiteto Gaspar e a sua equipa, designadamente na área social, junto das crianças, dos mais idosos e dos mais desfavorecidos, bem como, no contributo para a valorização do património da instituição”.

_______________
As obras emblemáticas do arquiteto

Facebook
Twitter
Email
WhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Publicidade

LEIA TAMBÉM

Relacionados

+ Exclusivos

Os ARTIGOS MAIS VISTOS